Case: Joaninhas do Parque Sarah Kubitscheck, da cidade de Brasília

 

A Segurança Patrimonial precisa enxergar as pessoas como os personagens principais do seu trabalho, para entregá-las muito mais do que segurança.

Durante a gestão da segurança patrimonial do Parque da Cidade de Brasília, nossa busca por excelência no atendimento das necessidades exigiam mais do que a alocação humana adequada.

Era necessário manter a característica de um local livre, onde as pessoas praticam atividades físicas, passeiam com seus filhos, animais de estimação e promovem encontros de amigos para piqueniques. Enfim, um local de lazer diversificado, que concentra boa parte da alegria da cidade.

A partir dessa percepção mais humanizada do local, a Brasília Segurança desenvolveu um projeto que integrou as atividades de segurança especializada de forma mais orgânica e com respeito ao meio ambiente, sem perder a eficiência da prestação de serviço.

Assim nasceram as Joaninhas do Parque, que ficaram super conhecidas e que foram tema ou personagens de diversas reportagens e fotos de famílias. Um reconhecimento sem preço!